segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

arte na educação: uma confissão

gosto das crianças. com seus gestos e expressões. porque são gentis (às professoras e professores), por mais que possam ser impulsivas. agradecem quando são atendidas em suas necessidades mais profundas ou em várias mais simplificadas. perdoam quando nos equivocamos... e perdoam, mesmo. nos oferecem seu melhor com naturalidade (ainda que com mesma sinceridade, nos mostrem suas faltas infantis). se propõem com generosidade às nossas sugestões. vibram com poesias e momentos lúdicos com muita honestidade. e se apresentam tais quais são mesmo com suas falhas humanas.

Nenhum comentário: