quinta-feira, 4 de novembro de 2010

arte na educação: barquinhos de papel para o lago azul








é tão bom, uma satisfação bem grande, poder dizer para uma criança que um saco de plástico azul é um "pedaço" de água e ouvir dela que a água tem ondas, que os barcos serão engolidos por peixes gigantes, que é bom ter cuidado para nenhum deles afundar e que não devemos ficar encostando na água se não quisermos nos molhar!... e muito mais coisas!
esta aula é recente, mesmo (desta semana)! cada um confeccionou barquinhos (com, ou sem meu acompanhamento), depositou-os no lago que foi estendido no meio do chão da sala e é claro, muitos juntaram-se na beirada da água para verem os barquinhos passarem! e, ajudá-los também, a passar!
obs: e., 8 anos: " - professora, esta é a aula de arte mais bonita!..."

4 comentários:

Beloní Cacique Braga disse...

Nada pode impedir um bom professor de construir junto com seus alunos mundos arteiros-imaginários.
Amei e senti muita saudade da sala de aula.
Parabéns querida.
Bjs

Beloní Cacique Braga disse...

Ah, divulguei no facebook. Fiquei encantanda com a simplicidade e magnitude da proposta.
bjs

giane. aprendiz. disse...

obrigada, beloni, por seu comentário tão sincero. e que bom saber que as imagens que posto faz com que pessoas sintam algo bom! não sei se sou "boa professora", mas sei que sou verdadeira com as crianças.
agradeço muito sua divulgação e também tenho acompanhado seu honesto trabalho via blog conversa mineira!
abraços.
gianemf.

denise miranda disse...

é lindo mesmo ver como a simplicidade e a poesia alcançam fácil, fácil, o coração das crianças! uma lição pra quem gosta de complicar tudo(eu, inclusive!).