quinta-feira, 29 de julho de 2010

arte na educação: breve histórico: anotação importante

durante meu estágio como professora de arte, há alguns poucos anos, deparei-me numa aula (com crianças de 7/8 anos), com "minha primeira poesia em sala de aula", numa observação muito especial por parte de um menino. na época, anotei o acontecido em meu caderno de anotações. foi assim: ele me chamou durante uma produção de desenhos da turma após a introdução onde levei uma proposta de percepção dos sentidos: - professora! virei-me para escutá-lo e seguiu-se o seguinte diálogo, alto, ouvido por todos nós:
- eu vejo o vento.
- é mesmo? e como você vê o vento?
- o vento vem vindo, vem vindo...
(movimentando os bracinhos) e balança a árvore!
sempre terei em minha memória este momento de poesia! sua fala, naquele dia, propiciou-me retornar para casa mais otimista que pessimista, mais gratificada que insatisfeita (por causa dos tantos problemas que enfrentamos nas escolas. e eu, estava somente começando!), mais atenta às pequenas coisas como grandes do que aos problemas grandes que também devem ser enfrentados e superados pouco a pouco, porém não serem sobrepostos aos pequenos e valiosos momentos positivos. por causa do menino, voltei para casa naquele dia, acreditando mais neles e em mim.

Nenhum comentário: