domingo, 13 de junho de 2010




agora, vêm muitos até mim. Alguns eufóricos. contam quantos pés acharam pelo caminho e me trazem os números. Os que encontram os seus próprios, me comunicam. os que encontram alguma pegada em algum local que consideram um tanto inusitado, me falam da observação. e, a intervenção na escola tem rendido observadores!

3 comentários:

Anônimo disse...

adorei!

CristinA

Beloní Cacique Braga disse...

Oi Gi

Amei a ação caminhante dos seus alunos. E daqui fiquei pensando: será que as crianças estão pensando sobre quantos lugares podem alcançar com seus pés-desafios? Lembrei-me de uma exposição que fiz na escola chamada "Caminhantes" inspirada nos versos do poeta Thiago de Mello.
E ainda me lembrei dos meus pés correndo para pegar um avião em um aeroporto enorme... rsrs sufoco.
Quantas lembranças trazem imagens de pés-alheios. rsrs

Parabéns. Beijos
Beloní

giane. aprendiz. disse...

sabe, beloní... não sei se as crianças estão o tempo todo pensando sobre os lugares que podem alcançar mas, acredito que elas são convidadas a pensarem algumas vezes. e acredito também que no momento dessa aula elas receberam mais um convite.
e eu gostei bastante de ler das suas lembranças estimuladas pelas pegadas e marcas aqui postadas! compartilhando...
obrigada.