segunda-feira, 8 de março de 2010

compartilhando dos que me acompanham: mais



SÂMARA SANTANA


Penso em sexo. Penso no quanto sei sobre o corpo e no quanto tenho dele. Na sensação estranha de repelir o que já é meu, natural e necessário, na inocência reprimida de uma relação íntima e rotineira, rotulada pra ser mais lucrativa e necessária. Na ilusão de precisar do que já tenho e desejo.
ENOC JUNIOR

Nenhum comentário: